alimentação

Sejam um expert a beber água!

Dia 22 de Março é o Dia Mundial da Água. Sabemos que é importante poupá-la, mas o seu consumo não deixa de ser importante para a nossa saúde e favorecimento do processo de homeostase do nosso corpo e seus sistemas. Assim na MyNurse hoje deixamos algumas estratégias para aumentar a quantidade de água que ingere durante o dia.

Medidas e estratégias a adoptar:

  1. Aposte na compra de um recipiente duradouro, tenha-o consigo no seu local de trabalho. As garrafas de plástico comuns acabam por ser mais frágeis e não vale a pena aumentar o lixo de plástico.
  2. Se não gosta de beber água ao natural, aposte em águas aromatizadas. Seleccione os aromas que mais gosta, ferva água, faça uma infusão leve e prepare jarros de véspera para que, de manhã, antes de ir para o trabalho, consiga encher a sua garrafa.
  3. A gelatina é uma opção também muito prática para as pessoas que não gostam de beber água pela sua ausência de sabor. As opções sem açúcar é a escolha mais acertada.
  4. Registe a quantidade de água que ingere diariamente. Esta dica ajudá-lo-á a aumentar a motivação para ir bebendo mais água ao longo do dia. Existem várias aplicações para smartphones que, ao longo do dia, vão dando alertas para o relembrar de beber um copo de água.
  5. Defina um ritual de ingestão de água e use-o para manter esta rotina saudável.
  6. Se é cuidador, lembre-se que a pessoa cuidada por si, precisa da sua ajuda para beber água. Muitas vezes as palhinhas são instrumentos muito úteis para ajudar na deglutição de pessoas com disfagia a líquidos. Pode também adicionar espessante em para prevenir o engasgamento.

Tem outras dicas e ideias? Partilhe connosco!

Saiba mais sobre os serviços MyNurse em www.mynurse.pt

O que provoca uma úlcera por pressão?

Hoje falamos novamente de úlceras por pressão e damos-lhe a conhecer os fatores que contribuem para o seu desenvolvimento.

De acordo com o European Pressure Ulcer Advisory Panel e o National Pressure Ulcer Advisory Panel (EPUAP\NPUAP, 2009) uma úlcera de pressão

«é uma lesão localizada da pele e/ou tecido subjacente, normalmente sobre uma proeminência óssea, em resultado da pressão ou de uma combinação entre esta e forças de torção. Às úlceras de pressão também estão associados fatores contribuintes e de confusão, cujo papel ainda não se encontra totalmente esclarecido».

Factores que influenciam o desenvolvimento de úlceras por pressão:

Nos fatores extrínsecos, muito dependentes dos cuidados de Enfermagem, salientam-se

  • a pressão,
  • as forças de deslizamento,
  • a fricção e a humidade.

Nos fatores intrínsecos:

  • a imobilidade,
  • a incontinência,
  • a idade,
  • o estado nutricional,
  • a má perfusão/oxigenação tecidular,
  • efeitos de medicamentos e
  • as doenças crónicas.

Entre os fatores intrínsecos salienta-se ainda a importância do deficiente estado nutricional, devido à hipoalbuminémia que altera a pressão osmótica e causa a formação de edema, comprometendo a difusão de oxigénio com consequente anoxia celular. Salientam-se, ainda, as deficiências de vitaminas A, C e E, devido ao seu papel na síntese de colagénio, imunidade e integridade epitelial. A desidratação, com consequente desequilíbrio eletrolítico, predispõe o doente ao aparecimento de UP (Ferreira, Miguéns, Gouveia, & Furtado, 2007).

Já viu como o desenvolvimento de uma úlcera por pressão é provocado por tantos fatores? Na MyNurse pode encontrar um grande número de enfermeiros que o ajudam a pôr em prática um plano de prevenção e/ou tratamento destas feridas que tanto contribuem para uma diminuição da qualidade de vida. Saiba mais em www.mynurse.pt